Página Selecionada

Birdwatching: conheça 7 espécies de aves típicas da Praia do Rosa

Birdwatching: conheça 7 espécies de aves típicas da Praia do Rosa

Os adeptos do Birdwatching estão sempre em busca de novos desafios, não é mesmo? Exatamente por isso que criar roteiros em locais repletos de natureza se torna divertido e relaxante. A Praia do Rosa, localizada no munícipio de Imbituba, em Santa Catarina, é um exemplo de paraíso habitado por aves de todos os tipos. 

Dentro dessa proposta, você precisa alinhar cada detalhe da viagem com a intenção de descansar a mente enquanto pratica a “passarinhada” como hobby. O grande segredo, neste caso, está em pesquisar com antecedência sobre os pássaros locais para identificá-los com facilidade e interagir na medida certa. 

Quer saber mais? Vamos mostrar 7 espécies de aves raras que podem ser vistas na Praia do Rosa. Acompanhe: 

1. Gavião

O gavião presente na Praia do Rosa é o Tesoura. Considerado um dos mais espetaculares exemplares da espécie, possui uma longa cauda negra no formato de “V”. Essa particularidade é responsável por seu nome e torna mais simples a tarefa de reconhecê-lo de longe nos ares — mesmo para os iniciantes no Birdwatching. Vive, normalmente, em florestas com pouca vegetação, bordas de mata e cerrados.

2. Pica-pau

Figurinha frequente na Praia do Rosa, o pica-pau-de-cabeça-amarela chama a atenção dos visitantes pelo topete que traz um efeito visual muito charmoso. Diferente da versão clássica do desenho animado, esse tipo de ave possui a cabeça em tom amarelo claro puxado para o branco. O corpo é borrado em branco com, aproximadamente, 27 centímetros de comprimento e os machos costumam ser identificados pela mancha vermelha no bico.

3. Aracuã

Por ser muito parecido com um Faisão, alguns observadores tendem a confundir as duas espécies. O Aracuã tem como característica principal o pescoço com manchas acinzentadas e formato mais alongado. As asas são arredondadas com a calda também longa. Já as patas, curtas e amarelas, ganham destaque quando estão em voo e ajudam na identificação dos praticantes de Birdwatching sem experiência.

4. Chupim

O Chupim é uma ave extremamente exótica e se apresenta de uma maneira bela em meio ao verde da natureza. Com uma coloração preta, os machos se diferem das fêmeas por conta do reflexo metálico azulado quando o sol reflete em suas penas. Quando estão em idade adulta podem chegar a medir 22 centímetros de comprimento. O bico é negro, cônico e liso com sulcos por toda a base. Ou seja, encontrá-lo merece vários registros para compartilhar com outros apreciadores da “passarinhada”. 

5. Canário da Terra

Com cores bastante chamativas, o Canário da terra tem a parte superior com tons alaranjados e o corpo amarelo limão. As pernas são rosas e facilitam a identificação dos observadores até mesmo sem equipamentos de auxílio, como o binóculo. O canto é melodioso e sua aparência costuma ser radiante diante do cenário paradisíaco da Praia do Rosa

6. Tico-Tico

Dono de um topete imponente, o Tico-Tico é conhecido pelos tons rajados de marrom, negro e cinza que se destacam em meio ao verde das áreas de mata. A ave tem um canto melodioso que também pode ser ouvido com frequência durante a madrugada. 

No entanto, o som emitido durante o período noturno é agudo com uma característica forte e alongada. Durante o dia, esse canto pode ser o sinal de quando o pássaro se sente ameaçado enquanto é observado.

7. Atobá-Pardo

Essa espécie possui poucos registros no Sul do Brasil e a Praia do Rosa é um local em que são vistos com frequência. Com as penas de cor café, têm a barriga toda branca e loro nus. Normalmente, apresentam entre 65 e 75 centímetros e peso de 725 a 1550 gramas. 

A alimentação é feita com peixes e outros crustáceos, por isso, a preferência por migrar pela costa brasileira com alcance até a Argentina. Tem fama de pescador habilidoso, pois sempre que mergulha em busca de comida volta com algo no bico logo na primeira tentativa. Assim, o Atobá-Pardo também é conhecido em muitos lugares como “mergulhão”. 

Viajar em busca de aves típicas é uma forma de viver o Birdwatching de maneira divertida. Dessa forma, para aproveitar todas as atrações da Praia Rosa, se torna indispensável se hospedar em uma pousada com estrutura completa e bem localizada. Só assim será possível renovar as energias enquanto se aventura pelas trilhas com dicas valiosas de uma equipe experiente no assunto. 

Gostou das informações do artigo? Então leia também sobre como encontrar a hospedagem perfeita na Praia do Rosa

Sobre o Autor

rose

"Hoje dedicada, junto com meu marido Cristiano Agrifoglio, a entregar a melhor experiência em hospedagem à beira-mar, casamentos, destination weddings e eventos na Fazenda Verde!"

Neco & Rose Agrifoglio

“Dedicados a entregar a melhor experiência em hospedagem à beira-mar, casamentos, destination weddings e eventos na Fazenda Verde!”

BAIXE O E-BOOK!!

VAMOS JOGAR!!

BAIXE O E-BOOK!

BAIXE O E-BOOK!!

BAIXE O E-BOOK!!

BAIXE O E-BOOK!!

Inspiração? PINTEREST

× Eu posso te ajudar!